“Seu” Manoel

IMG_142466264311975

A decisão de fazer a cirurgia bariátrica costuma ser tomada após muita reflexão. Relutamos por muito tempo, acreditamos que conseguiremos perder o peso que precisamos sem a ajuda da cirurgia. Recorremos a remédios para emagrecer e dicas milagrosas que vemos na televisão. Começamos a emagrecer e dizemos: dessa vez é em definitivo! Por algum motivo não dá certo e nos vemos na sala de espera de algum cirurgião bariátrico. Lá, ouvimos de tudo: casos de sucesso, complicações cirúrgicas, reganho de peso… É um papo de meia, cinta, dreno, clexane, versa, respiron… Nos sentimos “afogados” com tanta informação. É uma correria para conseguir os laudos e alguns ainda vão parar em consultórios de médicos que não acreditam que a cirurgia bariátrica seja a melhor opção e, além de negarem o laudo, tentam convencê-los a desistir. A família nem sempre concorda também, e nos vemos em uma ilha, sozinhos.
É nessa hora que entrou o “meu” Manoel. O “Seu Manoel” era um senhor que havia feito a cirurgia bariátrica há pouco tempo, uns dois meses. Eu o conheci em uma caminhada promovida por uma personal trainer, também operada, intitulada: “Caminhada contra a Obesidade”. No evento foram distribuídos brindes: camisetas, squeezes, barrinhas de cereal e água. Na distribuição das camisetas, fui logo na de tamanho maior e ela ficou bem justinha. O “meu” Manoel me abordou dizendo;
__ Há dois meses essa camiseta teria ficado assim pra mim também, mas olhe só como estou bem hoje!
Andrea (minha musa inspiradora), Denise Bringel, Manoel e eu.
Andrea (minha musa inspiradora), Denise Bringel, “Seu” Manoel e eu.
E a minha relação com o “meu” Manoel continuou assim. Ele parecia saber os momentos em que eu precisava de uma palavra amiga. Aliás, ele era assim com todo mundo. O “meu” Manoel era nosso.
Minha cirurgia foi no dia 03/12/2012, próximo ao Natal. Ele realizava um trabalho de distribuição de brinquedos para crianças carentes todos os anos. Vestia de Papai Noel, embrulhava todos os brinquedos e enchia o dia das crianças de muita alegria. Naquele ano em que nos conhecemos, ele me abordou pelo Facebook para que eu o ajudasse contribuindo com alguns brinquedos. Como minha cirurgia ainda estava muito recente e tinha sido aberta, cuja recuperação é mais demorada, expliquei que quando tirasse o dreno eu pediria para minha mãe, que era minha motorista, para me levar para comprarmos brinquedos para esta causa tão nobre. Diante da minha demora em manifestar com tais brinquedos, ele me abordou novamente, quando expliquei que meu dreno havia infeccionado e que eu estava acamada, tomando antibióticos. A partir daí, mesmo com todo o trabalho na preparação para a entrega dos brinquedos, o Sr. Manoel passou a sempre arrumar um tempinho para conversar comigo, me perguntando como eu estava e trocando experiências sobre a cirurgia comigo.
Nunca nos distanciamos no mundo virtual, mas nosso reencontro presencial foi no ano seguinte. Era nosso encontro de Natal do grupo da bariátrica e lá estava o Sr. Manoel com sua esposa Marise, a quem ele sempre se referia carinhosamente como “minha namorada”. Registramos o momento e esta foi a última vez que o vi com vida.
Nós dois com a outra musa gastro, a Vanessa!
Nós dois com a outra musa gastro, a Vanessa!
Um problema cardíaco não relacionado à cirurgia bariátrica levou o “nosso” Manoel. Em meu coração, o carinho e bondade que esse senhor transmitia continuará para sempre. E a vontade de perpetuar esse bem fica cada vez mais forte, seja aqui pelo blog, através de mensagem direta ou até mesmo pessoalmente.
E você? Também teve um “seu Manoel” em sua preparação para a cirurgia bariátrica? Conte-nos sua história!
Ps.: em tempo, a esposa do Sr. Manoel está dando continuidade ao lindo trabalho desenvolvido por ele durante o Natal. Quem for de Goiânia e tiver interesse em colaborar, entre em contato comigo que eu passarei o contato dela.

9 comentários sobre ““Seu” Manoel

  1. Deus coloca pessoas especiais em nossas vidas para nos auxiliar…Tenho certeza que o “Seu Manoel” foi uma destas…Linda homenagem! A gratidão é um dos sentimentos mais nobres que existe!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Q pena q Deus o quis lá com ele ….. triste em saber que pessoas boas partem (para nós antes do tempo, mas o tempo de Deus não é o nosso.) Parabéns, e que bênção q vc teve em seus dias de ter podido conviver mesmo q de longe de uma pessoa abençoada como ele foi! Eu completarei dia 22/12/14 3 meses pós operada estou muito feliz com meus resultados, vencendo um dia de cada vez, e só posso agradecera Deus pelo anjo q tenho e q chamo de meu sol – Minha Mãe!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s